Saiba as exigências do Flamengo para negociar Everton Ribeiro e Michael com os árabes

Pedido rubro-negro assusta times dos Emirados Árabes, que têm até o próximo dia 1 para definirem se seguirão com as negociações

As novelas envolvendo possíveis saídas e jogadores do Flamengo nesta janela de transferências ganharam mais alguns capítulos nos últimos dias. Em meio às negociações por Everton Ribeiro e Michael, os clubes árabes interessados se silenciaram para concluir as contratações.

De acordo com o Globo Esporte, o Al Nasr (que deseja Everton Ribeiro) e o Al Ain (que busca contratar Michael) ficaram assustados com as pedidas do Flamengo as vendas.

Mais sobre o Flamengo:

+ Gabigol iguala marca histórica de Nunes e agora mira Bebeto

Ambos clubes dos Emirados Árabes teriam cedido alguns pontos da negociação, mas ainda assim não chegaram ao ponto que o Flamengo deseja para concluir as transferências.

Michael:

No caso de Michael, o Al Ain aceitou aumentar a pedida inicial por um empréstimo de seis meses. O que está esbarrando a sequência da negociação é seu formato.

O Flamengo exige 1,5 milhão de euros, enquanto o Al Ain oferece 1,25. Além disso, os dirigentes rubro-negros querem uma cláusula de obrigação de compra por 12 milhões de euros após o período de empréstimo, o que não agrada os árabes.

Everton Ribeiro:

O Al Nasr conversava com o Flamengo há algum tempo sobre Everton Ribeiro. O clube asiático fez uma proposta ao rubro-negro, que fez uma contraproposta pedindo 6 milhões de euros pela venda + 2 milhões de euros por metas atingidas.

Os árabes aceitaram as condições, mas demoraram algumas semanas para responder. Neste meio tempo, o Fla entendeu que deveria fazer um esforço a mais para mantê-lo e aumentou a pedida para 7 milhões de euros pela venda e 3 milhões de euros por metas.

Desde então, o Al Nasr não respondeu mais e as negociações ficaram “arquivadas”.

Saídas ainda podem acontecer:

O silêncio dos asiáticos, entretanto, ainda não significa que alguma das negociações está descartada. Tanto o Al Nasr quanto o Al Ain ainda podem avançar nas negociações até o dia 1 de fevereiro, quando a janela será fechada.

Apesar de precisar vender jogadores para alcançar a meta estipulada no orçamento do clube, o Flamengo não está disposto a vender seus jogadores por um preço que não lhe satisfaça. O clube entende que está vivo na briga pelo título do Brasileirão, e manter seu elenco será fundamental para seguir em busca do bicampeonato consecutivo.

Assim, para que Michael e Everton Ribeiro saiam nos próximos dias, os árabes terão que ceder ainda mais. Caso contrário, a tendência é de que a dupla siga na Gávea para o restante da temporada.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais