Rodrigo Caio relembra começo de Jesus no Flamengo: “Queria xingar ele de tanta exigência”

Zagueiro disse que Jorge Jesus sempre via algum erro no posicionamento do time durante os treinos

Hoje grande estrela do Flamengo, o técnico Jorge Jesus teve que se provar há um ano atrás quando chegou à Gávea. Desconhecido do público e da maioria dos jogadores brasileiros, o Mister não demorou para começar a impor sua maneira de jogar e as diversas cobranças aos jogadores do Rubro-Negro.

Leia mais:

+ Time de Ronaldo Fenômeno mira promessas do Flamengo para fazer sucesso na Espanha

Rodrigo Caio, titular do Flamengo há mais de um ano, comentou sobre as exigências do treinador.

Em entrevista ao Canal do Zico, o defensor relembrou o começo da passagem do Mister pelo clube e admitiu que em alguns momentos chegava a querer xingá-lo devido a tantas cobranças:

“Acho que essa é a diferença: quando um treinador consegue colocar primeiro a parte disciplinar, que já era muito boa, e consegue implementar de uma forma natural, que o grupo consegue aceitar, uma parte tática que ele consegue incrementar. Em alguns momentos eu queria xingar ele de tanta exigência, de tanta cobrança, de tanto que ele ficava na linha de quatro… Nada tava certo, tudo nos mínimos detalhes. E a gente foi gostando disso, foi se desafiando em cima disso.”

As exigências de Jorge Jesus surtiram efeito positivo. Com todas as cobranças, o time embalou rapidamente e conquistou dois importantes títulos em 2019: Campeonato Brasileiro e a Copa Libertadores, quebrando um longo jejum do Flamengo no torneio.

O alto nível alcançado se manteve para este ano. O Flamengo começou a temporada com dois títulos: a Recopa Sul-Americana e a Supercopa do Brasil. Além dos títulos, também já está garantido na final do Campeonato Carioca por ter conquistado a Taça Guanabara.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais