Rafinha repensaria seguir no Flamengo com convite de Guardiola

Jogador trabalhou com o treinador no Bayern e revela um grande carinho pelo espanhol

Lateral do Flamengo há um ano, Rafinha rapidamente se adaptou ao time e assumiu a titularidade de forma absoluta. Querido pelos companheiros de clube e pela torcida, o jogador nunca escondeu que deixar o Rubro-Negro para voltar ao Coritiba é uma possibilidade futura, e agora o defensor afirmou que um convite de um ex-treinador de sua trajetória no futebol o balançaria.

Em entrevista ao Fox Sports, Rafinha disse que caso Pep Guardiola o convidasse para seu time, o Manchester City, teria que pensar no assunto pela importância do espanhol em sua carreira:

“Aí dá um trevo. Se o homem chamar, é complicado. Tem que pensar com carinho. Um chamado do Pep (Guardiola) não pode ser em vão. Eu tenho um carinho muito grande por essa pessoa. Foi um treinador que eu aprendi com ele. Durante os três anos que ele passou em Munique, foi o treinador que eu mais joguei no Bayern. Joguei 120 partidas com o Guardiola. Mudou o esquema do time para me fazer jogar.”

Rafinha trabalhou com Guardiola por algumas temporadas no Bayern de Munique, onde foi multi-campeão. Com o treinador, Rafinha ganhou mais espaço do que estava tendo com técnicos anteriores.

Atualmente, Pep Guardiola está no Manchester City, uma das potências do futebol inglês e que busca crescer no cenário europeu.

Rafinha tem contrato com o Rubro-Negro até o meio do ano que vem. Pelo clube, já conquistou quatro títulos: Campeonato Brasileiro, Copa Libertadores, Supercopa do Brasil e a Recopa Sul-Americana, além da Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Carioca.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais