Em crise, Racing sofre com lesões, abandona torneio local e já pensa no Flamengo

Rival do rubro-negro na Libertadores tem oito atletas machucados e ainda não venceu na Copa da Liga Argentina

A derrota para o Arsenal de Sarandí no último sábado evidenciou ainda mais a crise pela qual passa o Racing, adversário do Flamengo nas oitavas de final da Copa Libertadores. Com oito jogadores lesionados, o clube abriu mão da Copa da Liga Argentina após a terceira derrota seguida e já pensa no confronto contra o rubro-negro.

Apesar de ainda ter três jogos pela frente, a situação da equipe de Avellaneda é complicada no torneio. Sem nenhum ponto conquistado, o técnico Sebastián Beccacece praticamente entregou os pontos e afirmou que colocará a garotada da base para enfrentar o Atlético Tucumán na próxima quinta-feira e vai pensar exclusivamente no confronto contra o Flamengo.

“Vamos colocar toda a energia no nosso principal objetivo, que é a Libertadores. Vamos nos focar nisso e vemos como uma oportunidade para sair desta situação angustiante. Temos que pensar no Flamengo”, disse o treinador argentino, a dez dias do confronto de ida das oitavas de final.

LEIA MAIS
+ Problemas no ataque: Gabigol sente a coxa e Pedro é cortado da Seleção por lesão
+ Racing x Flamengo: veja a chamada do SBT para o jogo da Libertadores
+ Pedro tem pré-contrato com o Flamengo, que negocia forma de pagamento com a Fiorentina

Assim como o Flamengo, o Racing sofre com o desempenho fraco de sua defesa e com a falta de pontaria do ataque. Com oito gols sofridos em três jogos, a equipe tem a pior defesa da Copa da Superliga. Por outro lado, é disparado o time que mais finaliza no torneio: 17,7 finalizações por jogo. Mas também é o que mais desperdiça grandes chances, o que faz com que o conjunto albiceleste tenha apenas um gol marcado nesses três jogos.

Racing também sofre com lesões

Se o Flamengo tem jogadores importantes jogadores lesionados e corre contra o tempo para escalá-los nas oitavas da Libertadores, a situação do Racing é bem semelhante. O clube argentino tem oito jogadores fora de jogo por problemas físicos, sendo quatro deles titulares.

O volante Marcelo Díaz, antigo sonho da torcida rubro-negra, já está descartado para enfrentar o Flamengo. Com uma lesão no menisco, o jogador será operado esta semana e ficará de dois a três meses fora. Mesma situação do zagueiro reserva Mauricio Martínez. Opção constante no meio, Augusto Solari é outro que está vetado pelo menos do confronto de ida, com uma lesão muscular na coxa.

No ataque, Beccacece também tem problemas. Recém-contratado junto ao San Lorenzo, Nicolás Reniero sofre uma pubalgia e é dúvida para o duelo do dia 24. O experiente Darío Cvitanich se recupera de uma lesão muscular e também não tem presença garantida diante do rubro-negro.

Contratado para ser o substituto de Matías Zaracho no meio de campo, o paraguaio Lorenzo Melgarejo é outra possível baixa também por conta de uma distensão muscular na coxa. Já o lateral-esquerdo Alexis Soto, que não jogou as últimas três partidas, deverá estar em campo contra o rubro-negro depois de quase dois meses de inatividade.

Siga o Hashtag Rubro-Negro nas redes sociais também:

Twitter: https://twitter.com/hashtag_RN

Facebook: https://www.facebook.com/hashtagrubronegro

Instagram: https://www.instagram.com/hashtagrubronegro/

YouTube: https://bit.ly/30Y8Ll4

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais