Marcos Braz abre o jogo e explica detalhes da saída de Rafinha do Flamengo

Lateral-direito optou em deixar o Mengão para se transferir ao futebol grego

Chegou ao fim a passagem de Rafinha pelo Flamengo. Na tarde desta sexta-feira (14), o vice-presidente de futebol Marcos Braz convocou uma coletiva para passar a limpo o atual momento do clube e confirmou a saída do lateral para o Olympiacos, da Grécia.

Rafinha foi procurado pelo time grego na última quarta-feira (12), gostou dos valores oferecidos e aproveitou o fato de ter uma cláusula com o Flamengo de liberação gratuita a Europa para fazer as malas de volta ao Velho Continente.

O Rafinha recebeu uma proposta de um time grego. Já comunicou a gente que vai aceitar a proposta. O Flamengo lamenta, não gostaria de perder o atleta. Estou muito a vontade para falar dele. Se custou bastante tempo para colocar na cabeça dele que poderia fazer um grande trabalho na América do Sul. Isso foi feito. Os resultados não são questionáveis. É um jogador de 35 anos e recebeu uma proposta para que ficasse dois anos, até os 37 jogando em alta performance. O atleta entendeu que deveria sair e nos comunicou. O Flamengo tentou entender como seria a proposta. São números que são grandes e ele fez a opção por querer o novo contrato. Existia uma cláusula que se ele quisesse voltar para a Europa, poderia quando quisesse“, disse Braz.

LEIA MAIS
+ Flamengo autoriza Lincoln a procurar um novo clube
+ Dome faz reunião com elenco para recolocar o Flamengo nos trilhos
+ Atleta do Atlético-GO revela espanto com postura do Flamengo: “Sentimos os caras devagar”

As pessoas tem que entender que quando o Flamengo foi buscar o Rafinha, foi buscar um jogador do Bayern de Munique, que estava há 14 anos na Alemanha. Tivemos que convence-lo a mudar de vida. Foi maravilhoso enquanto durou. A clausula foi imposta por ele. Se não tivesse este ponto, lá atrás ele não viria por questão de segurança. A partir das 15h30 quando o Flamengo decola para Curitiba, ele está desligado do futebol do Flamengo“, completou.

Sem Rafinha, que já está fora do duelo contra o Coritiba, o Flamengo se vê obrigado a buscar no mercado da bola uma peça de reposição urgente já que os jovens Matheusinho e João Lucas são vistos como ‘crus’ pela comissão técnica de Domènec Torrent.

Há bastante tempo vínhamos procurando um lateral. Esse ano é atípico por conta da pandemia. Durante esse período, não tínhamos conforto em fazer qualquer contratação depois de cortar salários de jogadores e funcionário. A partir de agora, evidente, estamos no mercado“, completou.

NÚMEROS DE RAFINHA PELO FLAMENGO

Contratado em julho de 2019 após deixar o Bayern de Munique, da Alemanha, em fim de contrato, Rafinha vestiu a camisa do Mengão em 46 oportunidades, não marcou nenhum gol e deu seis assistências.

O lateral-direito se sagrou campeão do Campeonato Brasileiro, Copa Libertadores, Taça Guanabara, Campeonato Carioca 2020, Supercopa do Brasil e Recopa Sul-americana.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais