Marco Aurélio faz alerta para que o Flamengo não caia de patamar

Dirigente da CBF relembrou erros de sua passagem no São Paulo para mandar um aviso ao Mengão

Grande protagonista do futebol brasileiro na atualidade, o Flamengo chama a atenção de rivais e também é comparado com outros grandes clubes que viveram momentos semelhantes há alguns anos atrás. Quase todas estas equipes que chegaram a um auge, caíram de rendimento e hoje correm atrás em busca de uma recuperação.

Um destes clubes é o São Paulo. O clube viveu um dos melhores momentos da história do futebol brasileiro conquistando a Libertadores e o Mundial em 2005 além de três Campeonatos Brasileiros de forma consecutiva entre 2006 e 2008.

Entretanto, depois do tricampeonato, apenas um título foi conquistado: a Copa Sul-Americana em 2012, e desde então uma seca de oito anos sem título para o time do Morumbi.

Dirigente do São Paulo na época e hoje conselheiro do Tricolor, Marco Aurélio Cunha relembrou a fase vivida pelo seu clube há cerca de 15 anos atrás e comparou com o momento do Flamengo, alertando o Rubro-Negro a não cometer o mesmo erro que os paulistas cometeram:

O Flamengo hoje está muito bem, muito bem, merece todos os créditos e aplausos. O maior risco que o Flamengo corre não são os seus adversários do Rio de Janeiro, Vasco, Fluminense, os de São Paulo, Corinthians, São Paulo, Palmeiras, enfim, o adversário do Flamengo chama-se vaidade. É a vaidade que pode destruir um trabalho maravilhoso,” disse em entrevista aos jornalistas Arnaldo Ribeiro e Eduardo Tironi.

O ex-dirigente teme que o Flamengo “misture” questões profissionais chamando pessoas que não estão no meio do futebol para dentro do clube:

“As pessoas que estão por trás, trazendo amigos que nunca foram do futebol, gente com dinheiro, importante, artista… para participar de uma direção do clube. Tem gente querendo entrar no vestiário todo dia. Ator, tem tudo, cantor, tem tudo, que quer entrar lá dentro e falar de futebol. E aí começa aquela variação de opiniões sem sentido, que não são profissionais, a influir dentro do dia a dia do clube. Aí começou a derrocada, então, este foi o momento que o São Paulo se perdeu, na minha opinião.”

ASSISTA AO VÍDEO DE MARCO AURÉLIO CUNHA FALANDO DO FLAMENGO:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais