Guardiola vê ex-auxiliar pronto para assumir o Flamengo e elogia: “Aprendi muito com ele”

Treinador do Manchester City se mostrou feliz com o fato do amigo estar sendo cogitado no Flamengo

Em meio a série de nomes que surgem como possibilidade para assumir a vaga de Jorge Jesus no Flamengo, Domènec Torrent, ex-treinador do New York City, tem ganhado força por bom trabalho nos Estados Unidos e anos de sucesso como auxiliar de Pep Guardiola. O comandante do Manchester City, da Inglaterra, vê o ex-parceiro pronto para qualquer desafio.

Em entrevista coletiva na última segunda-feira (20), Guardiola foi questionado sobre a chance do ex-auxiliar pintar como treinador do Mengão, se mostrou feliz em ver o nome cogitado e rasgou elogios a Domènec.

Acho que ele está absolutamente preparado para qualquer país. Ele fez a melhor temporada da história do New York City na última temporada. Ele é incrivelmente bem preparado, tem muita experiência. Não tenho nenhuma dúvida sobre sua capacidade“, disse.

Domènec Torrent foi auxiliar de Guadiola nas passagens pela Espanha, Alemanha e Inglaterra e decidiu retomar a carreira de treinador há dois anos. Para Pep, o Domènec é parte importante dos títulos de destaque que ganhou em sua carreira.

Eu aprendi muito com ele, aprendemos juntos. Parte do nosso sucesso que tivemos em Munique e aqui em Manchester foi por causa dele. Fico feliz de saber que as pessoas pensam nele neste momento estranho, da pandemia do coronavírus. As decisões que precisam ser tomadas não são fáceis, vamos ver“, acrescentou.

Pelo New York City, Torrent trabalhou por duas temporadas e deixou boa impressão. No primeiro ano, em 2018, ajudou o clube a ficar na terceira colocação do Leste e acabou eliminado nos playoffs.

Já no ano passado, o clube fundado em 2015 viveu o melhor ano da história, com 64 pontos em 34 jogos disputados, e acabou eliminado na fase de semifinais da conferência. No começo de 2020, o espanhol optou em deixar o clube norte-americano.

DOMÈNEC TEM ESTILO DE GUARDIOLA?

A resposta é sim. O treinador do Manchester City afirma que o amigo tem ideia de jogo semelhante, defendendo o modelo ofensivo, porém, ressalta que cada profissional possui características diferentes para montar o time.

Eu acredito que sim. Ser agressivo com a bola, tentar marcar gols, defender bem… Mas cada técnico tem seus detalhes particulares, suas próprias coisas. Não é copiar e colar. Pep é Pep, Domènec é Domènec. Mas, antes de estarmos juntos, ele era um treinador e fazia as coisas do jeito dele. Eu aprendi muito com ele, e espero que ele tenha aprendido algo conosco também“, encerrou Guardiola.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais