Globo tem liminar indeferida na Justiça e Flamengo é liberado para transmitir seus jogos

Emissora carioca tentou impedir o Flamengo de transmitir os jogos do Campeonato Carioca

O imbróglio entre Flamengo e Grupo Globo sobre os direitos de transmissão do Campeonato Carioca ganhou um importante novo episódio. A emissora carioca havia entrada com liminar na Justiça para impedir o clube rubro-negro de transmitir seus jogos no estadual, mas o pedido foi indeferido nesta segunda-feira (29). O caso, porém, ainda cabe recurso.

Segundo o juiz Ricardo Cyfer, o Flamengo não está violando os contratos assinados e tem  direito de explorar a sua imagem por meio da transmissão de seus jogos.

Não há justificativa legítima para impedir o Clube de Regatas do Flamengo de explorar a sua imagem e de exercer o direito de transmissão dos jogos em que seja mandante pelas razões até aqui expostas, torna-se lateral a discussão quanto à irretroatividade ou à aplicação imediata da MP 984 de 2020,“, diz a nota.

Quem comunicou a vitória rubro-negra em primeira instância foi Rodrigo Dunshee. Através das redes sociais, vice-presidente geral e jurídico do Flamengo celebrou a primeira batalha vencida pelo Mengão nos tribunais.

A liminar foi indeferida pelo juiz!!!! Estamos no jogo!!“, publicou o dirigente em seu perfil no Twitter.

ENTENDA A BRIGA FLAMENGO X GLOBO

A medida provisória 984, que foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União e já entrou em vigor no último dia 18 de junho, libera as equipes de negociarem exclusivamente os direitos de transmissão de cada partida, independente, do adversário ter vínculo com alguma emissora ou transmitir o duelo via seus canais na internet.

O Flamengo entende que teria direito de negociar suas transmissões com qualquer outra emissora e, além disso, exibir seus jogos do Carioca pela Fla TV.

Até o momento, só a partida contra a Portuguesa, antes da paralisação, pôde ser assistida pelo torcedor graças a acordo entre clube e emissora.

A Globo, por sua vez, entende que a MP é inconstitucional e fere contratos previamente assinados de aquisição da transmissão do estadual.

Até o duelo contra o Boavista, na quarta (1), emissora deve entrar com recurso como medida final para evitar a exibição em seu canal no youtube.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais