Gabigol torce o tornozelo, é substituído e reclama do gramado do Maracanã: “Campo de bosta”

Atacante vinha tendo boa participação no jogo contra o Independiente Del Valle pela Libertadores

De nada adiantou a troca completa do gramado do Maracanã. O Flamengo acabou perdendo o atacante Gabigol por lesão ainda no primeiro da vitória por 4 a 0 sobre o Independiente Del Valle, pela quinta rodada do Grupo A da Copa Libertadores.

O atacante torceu o tornozelo direito após pisar em falso na grama e teve de ser substituído aos 45 minutos. Ao deixar o gramado, o camisa reclamou bastante das condições da grama.

“Esse campo de bosta”, vociferou o atacante, enquanto mancava para fora do campo.

+ Flamengo x Del Valle: assista aos gols do jogo da Libertadores

Alvo de muitas críticas, o terreno de jogo do Maracanã foi trocado inteiramente entre os dias 17 e 27 deste mês, mas ainda apresentava muitas falhas. Ainda é possível ver muita areia quando os jogadores correm, pulam ou chutam a bola.

De acordo com a empresa que gerencia o gramado, a troca foi necessária já que o setor norte do estádio não pega sol entre os meses de abril e setembro, prejudicando o tratamento da grama. Um equipamento de iluminação artificial foi adquirido para auxiliar na manutenção também.

Esta não é a primeira vez que o terreno de jogo do Maracanã causa polêmica. Nos últimos anos, a condição da grama tem sido motivo de muita reclamação dos jogadores, inclusive do Flamengo. Durante a Copa América, no ano passado, a situação do campo também foi muito criticada pelas seleções que passaram pelo Rio de Janeiro.

Durante a transmissão da partida, torcedores rubro-negros também reclamaram bastante que a bola não rolava, na grama, mas sim quicava.

Siga o Hashtag Rubro-Negro nas redes sociais também:

Twitter: https://twitter.com/hashtag_RN

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais