Gabigol não esconde insatisfação com início de Brasileirão ruim do Flamengo: “Momento difícil”

Centroavante e goleiro do Mengão tiveram rispida discussão no fim do primeiro tempo do jogo

Após o empate do Flamengo por 1 a 1 com o Botafogo, neste domingo (23), no Maracanã, em jogo da quinta rodada do Campeonato Brasileiro 2020, Gabigol deixou o gramado sendo questionado sobre a atual fase do time com o técnico Domènec Torrent.

Autor do gol do Mengão no jogo, de pênalti no último lance do clássico carioca, o camisa 9 não escondeu a insatisfação com o início ruim do time rubro-negro no Brasileirão.

Momento difícil. A gente estava esperando a vitória, fizemos um bom jogo e acho que evoluímos do último. O time precisa de mim e nos momentos cruciais“, lamentou.

LEIA MAIS:
+ Marcos Braz celebra chegada de Isla e não descarta novos reforços no Flamengo
+ Após Caio Roque, Grupo City tenta a contratação de mais uma promessa do Flamengo
+ Flamengo pode ser desfalcado pela data-Fifa em 24 jogos em 2021; veja quais

Gabigol marcou o seu segundo gol pelo Flamengo no torneio nacional, entrou na briga pelo posto de artilheiro pela terceira vez, mas não se mostra empolgado já que falta a vitória para o clube rubro-negro entrar de vez na briga pelo título nacional.

Nenhuma, os números dizem por si só. E independentemente do gol, isso não me interessa, sou duas vezes seguidos artilheiro do Brasileiro e quero ser bicampeão“, completou.

Com o empate, o Flamengo chega a cinco pontos em cinco jogos e ocupa, momentaneamente, a 12ª colocação no Campeonato Brasileiro 2020 – ainda pode perder posições já que a rodada não chegou ao fim.

O Mengão volta a campo contra o Santos, no próximo dia 30 de agosto, na Vila Belmiro, às 16h (de Brasília), pela sexta rodada do torneio nacional.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 1 X 1 BOTAFOGO

Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: Domingo, 23/08/2020
Horário: 11h00 horas (Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (FIFA-RS) e Lucio Beiersdorf Flor (RS)
VAR: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Cartões amarelos: Everton Ribeiro, Matheusinho, Rodrigo Caio (Fla); Caio Alexandre, Barrandeguy, Marcelo Benevenuto (Bota)
Gols:
FLAMENGO: Gabigol, aso 54 min do 2º tempo
BOTAFOGO: Pedro Raul, aos 47 minutos do 2º tempo

FLAMENGO: Diego Alves, Matheusinho, Rodrigo Caio (Thuler), Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Diego (Thiago Maia) e Everton Ribeiro (Pedro); Pedro Rocha (Vitinho), Gabigol e Bruno Henrique
Técnico: Domènec Torrent

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Kevin (Barrandeguy), Marcelo Benevenuto, Kanu, Rafael Forster (Pedro Raul) e Guilherme Santos; Caio Alexandre (Danilo Barcelos), Keisuke Honda (Luiz Otávio) e Bruno Nazário; , Luis Henrique e Matheus Babi (Rhuan)
Técnico: Paulo Autuori

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais