Flamengo usa redes sociais para fazer contatos com candidatos a treinador

Sem Spindel na Europa, Braz recorreu a métodos rápidos para bater um papo com os alvos

O vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, está desde quarta-feira (22) na Europa para dar andamento nas buscas por um técnico para o Flamengo e tem usado as redes sociais como ferramenta para iniciar os contatos com os alvos ao posto deixado por Jorge Jesus.

Segundo apuração do #Rubro-Negro, o dirigente já conversou com Carlos Carvalhal, do Rio Ave, de Portugal, e Miguel Ángel Ramírez, do Independiente del Valle, do Equador, via rede social do Skype para conhecê-los e saber se vislumbram dar sequência em suas carreiras no futebol brasileiro.

LEIA MAIS: Ex-auxiliar de Unai Emery não esconde desejo de treinar o Flamengo

A estratégia rubro-negra é uma forma de sentir – ou não – confiança no candidato aprovado pelo centro de inteligente de futebol para avançar para um encontro presencial que visa discutir questões de contrato, tempo de vínculo e até reforços.

Antes do embarque rumo à Europa, o próprio Bruno Spindel, diretor-executivo do Mengão e braço direito de Marcos Braz, confirmou ao canal ‘Paparazzo Rubro-Negro‘, do jornalista Gabriel Reis, que já haviam acontecido alguns contatos iniciais com alvos e sua viagem tinha o objetivo de acertar com o novo comandante do Flamengo.

Está previsto para este sábado (25) um encontro dos dirigentes do Flamengo com o técnico Domènec Torrent, ex-auxiliar de Pep Guardiola, em Madri, na Espanha. Apuramos que o contato inicial com o espanhol foi positivo e houve a sinalização positiva do profissional para comandar o Mengão.

Os treinadores Leonardo Jardim e Carlos Carvalhal são os próximos nomes a terem uma conversa olho no olho com Marcos Braz e Spindel nos próximos dias para conhecer o projeto do Flamengo.

LEIA MAIS: Rafinha rasga elogios a Torrent: “É um cara que dispensa comentários”

ESCALA DE PREFERIDOS DO FLAMENGO

Atualmente, o técnico Leonardo Jardim, sem clube desde a saída do Monaco, da França, é o perfil mais bem avaliado pela direção do Flamengo por ser da mesma escola de futebol de Jorge Jesus – inclusive, o próprio fez menção ao seu nome no jantar de despedida do clube.

Carlos Carvalhal, em vias de deixar o Rio Ave, Domènec Torrent, sem time, e Miguel Ángel Ramirez, do De Valle, são outros nomes bem avaliados por Marcos Braz e Bruno Spindel para comandar o Flamengo em 2020 nas disputas de Copa Libertadores, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil.

A expectativa rubro-negra é definir o novo treinador até o fim da próxima semana. O comandante terá cerca de 10 dias para iniciar os trabalhos com elenco visando a estreia no Brasileirão 2020 no dia 9 de agosto.

LEIA MAIS: Especulado no Benfica, Gerson comenta sobre futuro e se deixará o Flamengo

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais