Flamengo faz nova exigência ao Vissel Kobe para emprestar Lincoln

Rubro-Negro quer aumentar cláusulas de obrigação de compra aos japoneses

A negociação do Flamengo para emprestar o atacante Lincoln ganhou novos capítulos nos últimos dias. O Rubro-Negro havia se aproximado de concretizar o negócio com o Vissel Kobe, do Japão, mas fez uma nova exigência.

O Flamengo havia acertado com os japoneses que o empréstimo teria uma cláusula de obrigação de compra em caso de Lincoln jogar 50% das partidas do clube, e queria acrescentar mais uma: caso o jogador faça 10 partidas seguidas, os asiáticos serão obrigados a exercer a compra.

+ Fla debate mudanças de perfil no comando e tem Rui Vitória oferecido

A nova exigência fez com que as negociações travassem um pouco em relação aos últimos dias. O Vissel Kobe tenta negociar estes termos e as diretorias conversam em busca de um meio-termo. A informação foi divulgada pelo Globo Esporte.

Caso o empréstimo seja oficializado, o Flamengo receberá 500 mil dólares. Se o Vissel Kobe contratar Lincoln em definitivo, o Rubro-Negro terá a receber mais 3 milhões de dólares.

Japoneses disputam Lincoln com time dos EUA:

Não somente o Vissel Kobe que tem interesse na contratação de Lincoln. O Cincinatti, dos Estados Unidos, também deseja contar com o jogador.

O clube da Ásia é o preferido de Lincoln, mas o Cincinatti apresentou uma proposta que agradou mais a diretoria do Flamengo, e todas as partes seguem em contato em busca de um desfecho positivo.

Enquanto a situação não é definida, Lincoln foi liberado dos treinos do sub-20 para evitar que se tenha alguma lesão no atleta, o que dificultaria a sequência das negociações.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais