Em dúvida sobre Ceni, Flamengo monitora renovação de Sampaoli com Atlético-MG; diz site

Nome de Sampaoli é bem quisto pela torcida, mas gera dúvidas nos bastidores do Flamengo

Com a reta final do Campeonato Brasileiro 2020, o Atlético-MG começa a avaliar mudanças para próxima temporada. A primeira decisão está relacionada a permanência do técnico Jorge Sampaoli e o Flamengo, segundo o jornal Extra, acompanha nos bastidores para agir caso o comandante deseje mudar de ares.

Atualmente, o argentino avalia a chance de renovar com o Galo, mesmo que não ganhe o nacional e só conquiste vaga na Libertadores 2021, para seguir com seu trabalho até o fim de 2022.

Entretanto, segundo a publicação, o desejo de vir ao Flamengo ainda está na cabeça de Sampaoli. Com a indefinição sobre o futuro de Rogério Ceni, há o caminho aberto para uma eventual negociação para assumir o rubro-negro no fim de fevereiro.

Leia mais
Saiba as exigências do Flamengo para negociar Everton Ribeiro e Michael com os árabes
Gabigol iguala marca histórica de Nunes e agora mira Bebeto
Ceni vai à loucura com Vitinho e ‘esporros’ viralizam na web; assista

Sampaoli e dirigentes do Flamengo chegaram a falar ainda em junho de 2020 devido a demora de Jorge Jesus para responder a oferta de renovação. Porém, o nome do treinador não é uma unanimidade dentro da Gávea e seu estilo linha dura gera dúvidas.

De certo mesmo é que o Mengão deve promover nova mudança no comando técnico para 2021. Há quem diga que apenas a conquista do título brasileiro possa dar chances de Rogério Ceni e sua comissão técnica seguir no clube carioca.

Renovação travada de Sampaoli

As conversas pela renovação de contrato do Sampaoli com o Atlético-MG estão nas mãos dos empresários Rubens Menin, Rafael Menin, Ricardo Guimarães e Renato Salvador, além do presidente do Galo, Sergio Coelho. O grupo deseja garantir o fico do argentino até o fim de 2022.

O detalhe é que a oscilação do Galo no Brasileirão e os protestos recentes da torcida irritaram Jorge Sampaoli. A resposta dada aos dirigentes mineiros foi sobre dúvidas na continuídade do trabalho por sentir falta de respaldo.

O texto ainda ressalta que o mercado da bola também está ciente que Sampoli tem o desejo de comandar o Flamengo. O que poderia facilitar a mudança é o desgaste com dirigentes do clube mineiro.

O estilo ‘pé na porta’ de Sampaoli gera incomodo nos bastidores do Galo. Irritado com a falta dos reforços prometidos, o argentino costumava ignorar os executivos de futebol e ir direto ao presidente Sette Câmara. Agora com a nova presidência, Sérgio Coelho terá de decidir o futuro do treinador visto como cara e temperamental.

Caso o Flamengo opte em demitir Rogério Ceni e trazer Sampaoli, terá de bancar a multa do técnico e pagar cerca de 1,5 milhões de dólares (R$ 7,5 milhões) para tirar o argentino do Galo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais