Ceni aponta quais foram seus erros e acertos no Flamengo

O técnico do Flamengo falou sobre seu trabalho no clube na temporada 2020

Em entrevista dada ao canal do jornalista Mauro Cezar Pereira, no quadro “Dividida”, o técnico Rogério Ceni, do Flamengo, falou sobre seus acertos e erros durante os meses em que comandou o clube na temporada passada.

O treinador rubro-negro credita seu acerto ao fato de ter aceitado a proposta do clube, em uma negociação praticamente recorde, que durou 4h entre a ligação do diretor de futebol, Marcos Braz, até a assinatura do contrato:

“Acho que o principal acerto foi ter aceitado o convite de trabalhar no Flamengo, porque era um clube que eu imaginei um dia poder trabalhar. Dentro de campo, acho que foi o momento que a gente fez a mudança mais drástica, que foi recuar o Arão para a zaga, tentando ter uma saída de jogo melhor. Encaixamos o Diego de primeiro volante, dando muita qualidade e muita posse de bola. Isso fez com que o time criasse muito mais.”

+ Ajax sinaliza ao Flamengo valores da proposta que fará por Hugo
+ Novo uniforme 2 do Flamengo vaza na web; veja as fotos

Já entre os erros, Ceni aponta ter assumido a equipe às vésperas da partida das quartas de finais da Copa do Brasil contra o São Paulo já que a eliminação rubro-negra lhe causou uma pressão inicial:

“É sempre imputado a mim uma eliminação da Copa do Brasil e eu acho um pouco injusto. Eu poderia muito bem, como eu já vi muitos casos de treinadores que chegam, assistir o jogo lá de cima e pular essa parte. O meu sempre de vencer logicamente era grande, mas eu poderia ter me poupado desse confronto com menos de 24 horas de trabalho”, finalizou Ceni.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais