Após ser oferecido ao Flamengo, Orejuela aguarda ofertas para deixar o Cruzeiro: “Quero resolver rápido”

Lateral-direito chegou a ser indicado ao Rubro-Negro em meio a imbróglio de Cruzeiro e Grêmio

Após empréstimo de uma temporada no Grêmio, Orejuela está de volta ao Cruzeiro e tem pressa para definir seu futuro. Tratando lesão na coxa desde o fim de 2020, o lateral-direito, que foi oferecido ao Flamengo, não quer ficar na Raposa e aguarda para saber qual será seu novo clube a partir de 2021.

Atualmente, o atleta colombiano analisa propostas de clubes do Brasil e da América do Sul para retornar aos gramados em breve e voltar ao radar da Seleção da Colômbia – que anunciou o técnico Reinaldo Rueda.

Quero resolver minha carreira rápido. Ver o que vai acontecer. Mas, primeiro, tenho que recuperar da lesão. Eu, agora, tenho que tratar minha lesão e esperar para ver com o Cruzeiro para definir minha carreira“, disse Orejuela ao GE.

Leia mais:
Oferecido ao Flamengo, Rui Vitória é sucessor e desafeto de Jorge Jesus
Diego e Rodrigo Caio se manifestam após denúncias sobre ‘panela’ dos jogadores
Athletico x Flamengo terá transmissão pela Twitch, plataforma de streaming da Amazon

Vivendo grave crise financeira, o Cruzeiro vê no atleta de 25 anos a chance de fazer caixa e quitar seus débitos. Hoje, os agentes do atleta possuem oferta na casa dos R$ 20 milhões do rival Atlético-MG e apenas sondagens de Flamengo e Sporting, de Portugal.

A realidade da Celeste é algo que preocupa o jogador. O clube está com problemas de salários atrasados e já vê seus atletas a fazerem protesto – como a não participação na concentração para o jogo contra o Oeste na última terça-feira (12).

Eu estou tranquilo porque sei que fiz as coisas bem no Grêmio e agora voltei e estou à disposição do Cruzeiro, que é o meu clube. E agora é esperar que tudo se resolva. Está difícil (salários atrasados). A situação está difícil desde o ano passado, quando eu ainda estava aqui. É esperar que tudo se resolva“, finalizou.

Orejuela quase ficou no Grêmio

Grêmio e Cruzeiro tinham conversas acertadas para selar a permanência de Orejuela em Porto Alegre de forma definitiva. Entretanto, a forma de pagamento parcelada irritou os dirigentes da Raposa e o negócio acabou melando.

O nome de Orejuela não é novidade entre a diretoria rubro-negra. No início da temporada 2020, o colombiano foi cogitado no Flamengo para dividir a função com Rafinha, porém as tratativas não avançaram.

Atualmente, o técnico Rogério Ceni tem apenas o chileno Isla e os jovens João Lucas e Matheuzinho para a posição. O clube, no entanto, não pretende gastar muito no mercado de transferências, pois busca equilibrar as finanças após uma temporada crítica financeiramente devido à pandemia de Covid-19.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

O Hashtag Rubro-Negro usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Leia Mais